Michele Daiana: O dia em que resolvi mudar ...

O dia em que resolvi mudar ...



Ha muito tempo eu tenho reclamado do rumo que a minha vida tem levado, acho que me acomodei de um modo que cheguei a pensar que nunca mais sairia do mesmo lugar. Vendo as pessoas ao meu redor realizando sonhos, seguindo em frente e eu ali, parada no mesmo lugar. Não piorava, mas também nada para mim melhorava. 

Mas sempre chega aquele dia em que acordamos com um fogo interno, queimando e te pedindo para fazer algo que mude sua vida completamente. O desanimo vai embora, e ai que você resolve dar o 1º passo. 

Foi mais ou menos isso que tem acontecido comigo ultimamente, percebi que minha vida não era chata, e sim a minha maneira de ver as coisas que estava errada. Incrível que quando finalmente resolvemos sair de dentro daquela nossa bolha que criamos, percebemos as coisas grandiosas que existem ao nosso redor, mas que nunca quisemos enxergar. 


E sabe, a gente não precisa fazer nada de extraordinário para nossa vida mudar, basta mudar a forma como vemos as coisas, basta deixar o desanimo de lado e fazer aquilo que você sempre quis , mas te faltava coragem  ou você apenas tinha preguiça. O ano está acabando e você ainda não concluiu nem ametade das suas metas? Então somos dois, porque eu também não! Na verdade nunca deu muito certo para mim estas listinhas de fim de ano, porque sempre me senti na obrigação de cumpri-lás, e eu não gosto de fazer nada que eu seja obrigada! Gosto das coisas que fluem livremente, gosto de fazer aquilo que sinto vontade no momento. Se você me pedir, eu faço, agora se você me mandar, pode esquecer ...

Minha parede nova, para eu lembrar que nada vem forçado ...

Então, neste ano que está por vim, eu resolvi que só vou fazer aquilo que me faz bem, resolvi principalmente que vou focar naquilo que realmente quero, e não no que querem para mim, vou ter que abrir mão de algumas coisas, eu sei, mas neste ano que está por vir, eu decidi que não vou desistir! Não vou fazer aquelas listas enormes de metas, porque sei que nunca vou conclui-lás, mas decidi ter um caderno por perto (já que amo tanto escrever) para colocar meus sonhos, colocar a minha vida, não um diário, porque já estou bem grande para isso! Só escrever tudo aquilo que eu tanto quero, para quando o desanimo bater, e a vontade de desistir ser maior que eu, eu ter onde me refugir e lembrar de tudo aquilo que me fez querer chegar até ali. O tempo está passando, e eu só quero chegar no fim e dizer que consegui e que valeu a pena ...



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada por deixar seu comentário, sua opinião é muito importante para mim ♥