Michele Daiana: Batalha das Capas: Delírio

Batalha das Capas: Delírio


Muito tempo atrás, não se sabia que o amor é a pior de todas as doenças. Uma vez instalado na corrente sanguínea, não há como contê-lo. Agora a realidade é outra. A ciência já é capaz de erradicá-lo, e o governo obriga que todos os cidadãos sejam curados ao completar dezoito anos. Lena Haloway está entre os jovens que esperam ansiosamente esse dia. Viver sem a doença é viver sem dor: sem arrebatamento, sem euforia, com tranquilidade e segurança. Depois de curada, ela será encaminhada pelo governo para uma faculdade e um marido lhe será designado. Ela nunca mais precisará se preocupar com o passado que assombra sua família. Lena tem plena confiança de que as imposições das autoridades, como a intervenção cirúrgica, o toque de recolher e as patrulhas-surpresa pela cidade, existem para proteger as pessoas. Faltando apenas algumas semanas para o tratamento, porém, o impensado acontece: Lena se apaixona. Os sintomas são bastante conhecidos, não há como se enganar — mas, depois de experimentá-los, ela ainda escolheria a cura?.

Sou apaixonada pela capa brasileira, que é toda espelhada. As outras achei bastante comum, seguem um padrão, só a da Croácia e Holanda fugiram um pouco. E vocês qual preferem? Votem também nas outras Batalha de Capas :)


3 comentários:

  1. Lindo o blog querida,votei na capa,bjinhos,se der passa tambem la no meu cantinho.
    www.momentospl.com

    ResponderExcluir
  2. Amei seu blog flor, já votei no meu favorito e estou seguindo aqui!
    http://goodluckeve.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Achei linda a capa da Inglaterra, mas a brasileira também não fica atrás não!

    Bjs,
    Sté
    http://blog-fabulous.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigada por deixar seu comentário, sua opinião é muito importante para mim ♥